Blog

Blog principal

18/05/2015 18:41

Nosso novo blog foi lançado hoje. Fique atento e tentaremos mantê-lo informado. Você pode ler as novas postagens deste blog via RSS Feed.

—————

PERPLEXIDADE

18/05/2015 13:53

Veneráveis Superiores,

Foram necessários setenta e dois dias terrrestres para que ousasse enviar-vos este primeiro relatório. Rogo vossa paciência e benevolência porque compreender Brasilis não é uma tarefa fácil.

Esse é um local sui generis em que a população mostra-se predominamente ordeira, respeitosa, pacífica, cordial e extremamente conservadora de seu valores. Por outro lado, sua classe governante revela-se desordenada, rixenta, hostil e profundamente revolucionária. É espantoso que esta situação já venha se prolongando, como comprovado nos meus estudos anexos a este relatório, por mais de vinte anos sem que qualquer coisa interfira para promover um equilíbrio e dirimir este impasse. 

Este povo conservador não sabe se é "de direita" ou se é "de esquerda" como o declaram ser a classe governante e a classe política. O povo apenas expressa o desejo inarredável de ver respeitados seus valores e suas tradições, sendo acusado de extremista, reacionário e golpista pela tal de "esquerda". É isto mesmo, Veneráveis, o povo tem representantes que na verdade não o representa. 

No momento, povo e a tal de "esquerda" não conseguem falar a mesma lingua e me parece muito que a "esquerda" é surda além de completamente alheia à realidade. Veneráveis, a dicotomia é tão séria que este povo vota maciçamente em um candidato buscando derrotar a tal "esquerda" e o tal candidato declara triunfantemente: "não adianta me empurrar para a direita que eu não vou"

A situação jurídica também não é melhor.   Veneráveis, como exemplo do que acontece aqui, um senhor que escreve um blog humorístico (dados em anexo sob o título  Joselito Muller) é processado por "disseminar informação mentirosa"... A ironia dos fatos é que este senhor se defende dizendo que o povo é que não consegue distinguir a sátira da realidade. Não é verdade. Pelo que pude constatar, nestes mais de vinte anos de império das "esquerdas"  foram tantas leis, causas abraçadas e tomadas de posição que ultrapassaram a fronteira do absurdo e impensável que o povo foi despido do senso crítico que estabelece o limite entre a sanidade e a loucura, a sanidade e o delírio de seus governantes. Ele não reconhece a sátira como humor porque millhares de atos que comporiam a elegia de um insano são colocados em prática e se tornam leis. É a loucura vazia governando e desnorteando todo povo.  

Veneráveis, sei que toda esta é uma informação muito confusa que se torna complexa por ser completamente real e fidedigna aos fatos. Conto com vossa benevolência para com este humilde iniciante que vos relata apenas uma mínima parte do material acumulado até agora.

    Respeitosamente, 

Cincinatus Secundi  

 

—————


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!